Casa Branca Imóveis
Você esta em Home a empresa
Piracicaba, 13 de dezembro de 2017

Título Imóveis

O bom uso das cores

COR BRANCA: 


É a ausência de cor. O branco é uma cor ímpar e neutra, fica bem em qualquer mbientea e tudo combina. É simples, harmônico e generoso por dar vôo à imaginação já que é de fácil decoração. Quando misturado em um mesmo ambiente com outras cores, ele sobressai. Para as paredes pode-se optar pelo branco gelo. O teto pode ser branquíssimo. 
O branco é ótimo para escritórios e apartamentos. 

COR VERDE: 

O verde é a cor da esperança, constância, resistência, perseverança, simboliza o dinheiro, a segurança do amor-próprio e orgulho. É uma cor passiva, imutável, possessiva, repressiva, defensiva e concêntrica. O verde dá maior flexibilidade ao poder da vontade, estimula ainda a busca de condições mais adequadas de ação. 
Usar um verde claríssimo no teto com roda teto branco, o mesmo verde, mas em tom mais escuro nas outras paredes e deixar um outro tom de verde, sendo mais escuro em apenas uma parede para sobressair, podendo usar grafiato ou não. 
O verde é ótimo para ambientes com presença de natureza como animais, plantas e flores. 

COR AMARELA: 

É a cor da vivacidade, da alegria, do desprendimento e da leveza. Produz relaxamento, desinibição, brilho, reflexibilidade, alegria espirituosa e espiritualidade. O amarelo por ser uma cor quente, está ligado à liberação da carga da responsabilidade excessiva, à redução dos complexos, à diminuição da inquietação, da ansiedade e das preocupações. Está relacionada com a originalidade, a mente radiante, a franqueza, a luz solar e a felicidade. Pode-se optar por um amarelo claro na maior parte das paredes e em outra usar um tom amarelo-mel como contraste, usando grafiato ou não. O teto pode ser amarelo claríssimo ou branco com roda teto branco. 
O amarelo é perfeito para ser usado em ambientes com a presença de crianças. 

COR AZUL 

É uma cor suave que produz calma, afetuosidade, tranqüilidade, ternura, paz e segurança. Ela favorece as atividades intelectuais e a meditação. O azul estimula na personalidade a doçura, a parcimônia, a sensatez e a ternura. Favorece a criação de um clima ou ambiente calmo e organizado. Use um tom azul claríssimo no teto, o mesmo tom, sendo mais forte nas paredes, deixando apenas uma parede com outro tom de azul, sendo mais escuro, adotando grafiato ou não. O azul claro, dependendo da tonalidade, pode se considerar uma cor neutra, podendo ser usada em escritórios. O ambiente será de muita calma e representará organização. 

COR VIOLETA: 

É a cor da identificação com o lado misterioso da vida. Permite a sensação de fusão entre o sujeito e o objeto, entre o indivíduo e o todo. É, definitivamente, uma cor ligada ao encantamento, ao sonho, ao estado mágico da mente, aos desejos espirituais, ao deleite espiritual ou astral. Essa cor deve tender para um violeta rosado, podendo ser o grafiato em tom mais violeta. Use branco no teto e se gostar use também um roda teto fino na cor branca. 
A cor violeta dependendo da tonalidade também representa o feminino, podendo estar presente em quartos de meninas, ficando com um ambiente tranqüilo e nada cansativo. 

COR CINZA: 

Trata-se de uma cor inteiramente neutra e isenta de qualquer capacidade de influenciar o ser humano, já que é o equilíbrio entre o preto e o branco, ou exatamente o meio do espectro cromático. Transmite, assim, essa mesma neutralidade que dá a sensação de equilíbrio e estabilidade. O cinza é uma das cores mais complicadas de se trabalhar. O ideal é usá-lo com branco no teto. As paredes devem ser claríssimas e optando por um cinza mais forte em uma única parede, podendo ser grafiato ou não. Pode-se optar por um cinza mais azulado nessa parede para dar um tom de vida. Use um roda teto fino na cor branca porque assim quebrará um pouco mais o cinza. 
Caso o ambiente tenha ausência de cores como azul, verde ou vermelho, por exemplo, ficará sem vida e será um ambiente cansativo e tedioso. 

COR PRETA: 

É a cor mais escura do espectro de cores. É definida como "a ausência de luz", em cores-luz, ou como "a mistura de todas as cores", em cores-pigmento. É a cor que absorve todos os raios luminosos, não refletindo nenhum e por isso aparecendo como desprovida de clareza. 
A cor preta é essencial para ambientes descontraídos como bares ou danceterias, nesses ambientes fica muito bom a presença da “Luz negra”. 

COR MARROM: 

O marrom é a cor intermediária entre o amarelo e o verde. 
Essa cor geralmente é associada ao serviço militar, por ser a cor usada na farda dos soldados. É uma cor abundante na natureza, estando associadas a muitas espécies de gramíneas. Em suas variedades mais claras, tem efeito fosforescente e é utilizada em avisos de segurança para obras. 

COR LARANJA: 

É uma cor viva que geralmente é associada à euforia, uma disposição enérgica e muito usada para chamar a atenção. Estudos indicam que a cor laranja em um ambiente pode deixar as pessoas do recinto eufóricas. A cor laranja foi escolhida pelas Forças Armadas dos Estados Unidos como a cor a ser usada para coletes salva-vidas por ser muito visível e contrastante com a cor do mar, mesmo à noite, e também por ser uma cor pouco comum na natureza. 
O laranja também pode ter tonalidade fosforescente, por isto é muito utilizada em operários de obras. 

COR VERMELHO: 

O vermelho é a cor mais quente de todas, cor do sangue, sita no limite do visível do espectro luminoso (abaixo deste comprimento de ondas, o infravermelho, não é mais perceptível pela visão humana). Também é conhecida como escarlate ou encarnado. É cor-luz primária e cor-pigmento secundária, resultante da mistura de amarelo e magenta. 
O vermelho simboliza virilidade, masculinidade, dinamismo, paixão. É uma cor exaltante e até enervante. Impõe-se sem discrição. É uma cor essencialmente quente, transbordante de vida e de agitação. 
Esta cor está relacionada ao natal e gastronomia, juntamente com o verde.

____________________________________________________________

 

Portas de Madeira

Se a porta for de madeira de lei, pode ficar sem acabamento, ao natural, bastando lixar e aplicar cera de carnaúba e, posteriormente,lustra-móveis para conservação; ainda neste caso, é conveniente aplicar um produto selante (base para os acabamentos, atuando como impermeabilizante), que veda os poros da madeira, ajudando a proteger contra intempéries. 

* Uma alternativa para o acabamento é a aplicação de verniz, fosco ou brilhante. 
* Para colorir, as tintas do tipo látex acrílico são uma ótima opção, pois filtram os raios ultravioleta. Há ainda a possibilidade de usar verniz com pigmento à base de anilina diluída. 
* A aplicação de laca confere à madeira um aspecto plastificado ou até marmorizado, dependendo do tipo de trabalho. 
* Num efeito diferenciado, a madeira clareada ou escurecida é fácil de obter. Para clarear, emprega-se ácido muriático, cloro ou água oxigenada. Betume misturado a um produto selante, extrato de nogueira ou cera de carnaúba escurecem o material. Em qualquer um dos processos, o produto deve ser aplicado com suavidade e de maneira uniforme, a não ser que o desejado seja o efeito manchado. Nesse caso, a aplicação é feita com pincéis ou estopa. 
* Outra opção de acabamento é revestir com laminado melamínico, de fácil manutenção. 
* Para a colocação de vidros, deve-se preferir os temperados. 

Portas em madeira de boa qualidade dificilmente irão apresentar problemas com cupins, pois, além de sua própria resistência natural, é provável que tenham passado por tratamentos preventivos. Se apesar disso a peça for atacada por esses insetos, a saída é a aplicação de inseticidas com pincel ou por injeção. 

Fonte: Revista Arquitetura & Construção - mar/93

_______________________________________________________

 

Seu Jardim em Meses

Como cuidar do jardim de acordo com os meses do ano 

JANEIRO 

• Instalar estacas de folha de begônia-rex e violeta e estacas de galho de brinco-de-princesa, gerânio e roseira. 
• Florações: agapanto, alamanda, angélica, bela-emília, boca-de-leão, copo-de-leite, dália, magnólia branca, pau-de-tucano, pau-ferro, sálvia. 

FEVEREIRO 

• Fazer mudas de galhos. 
• Florações: esporinha, estrelítzia, lírio, margarida-branca, mil-folhas, paineira, quaresmeira. 

MARÇO 

• Bom para enxertos em roseiras. Retirar da terra os bulbos de plantas que já secaram. 
• Florações: anêmona, capuchinha, castanha-de-macaco, manacá-da-serra, saudade, zínia. 

ABRIL 

• Fazer mudas de galho de comigo-ninguém-pode e dividir touceiras do clorofito. 
• Florações: acácia-mimosa, amor-agarradinho, brinco-de-princesa, ciclâmen, cravina, crisântemo, petúnia. 

MAIO 

• Plantar bulbos e adubar vasos e canteiros: 10 gramas de adubo químico NPK 6-6-6 para cada metro quadrado. 
Adubar gramados com 20 gramas por metro quadrado com NPK 20-18-6. 
• Florações: açafate, bico-de-papagaio, camélia, flor-de-maio, prímula, zínia. 

JUNHO 

• Diminuir as regas e proteger as plantas das geadas. 
• Florações: azaléia, cipó-de-são-joão, eritrina, ipê-roxo, íris, orquídea-sapatinho. 

JULHO 

• Proteger os caules com palha. Podar cercas-vivas, árvores e arbustos. 
• Florações: amor-perfeito, caliandra, cássia-mimosa, cerejeira ornamental, ipê-roxo, rododendro (tipo de azaléia), verbena, quaresmeira. 

AGOSTO 

• Podar os gramados e cobri-los com uma camada de 1 centímetro da seguinte mistura: 4 partes de terra vegetal preta, 3 de areia grossa e 3 de esterco de curral bem curtido. 
Planejar as plantas que serão cultivadas na primavera. 
• Florações: abutilon, azaléia, bauínia, buquê-de-noiva, glicínia, jasmim, manacá-da-serra. 

SETEMBRO 

• Transplantar vasos e adubar canteiros. Adube também os gramados (mesma dosagem indicada para maio). 
• Florações: calceolária, campânula, esprinha, gardênia, grevilha arbustiva, ipê-amarelo, miosótis, quaresmeira-roxa. 

OUTUBRO 

• Planeje o jardim com espécies que florescem no verão. 
Podar um pouco as azaléias e limpar galhos secos. 
• Florações: agapanto, anêmona, antúrio, cineraria, gerânio, guapuvuru, margarida. 

NOVEMBRO 

• Transplantar vasos e canteiros. 
• Florações: agerato, amor-perfeito, clínia, flamboyant, jacarandá-mimoso, petúnia, sálvia. 

DEZEMBRO 

• Elimine galhos secos e adube gramados com adubo químico (dosagem indicada para maio). 
• Florações: cravo, gladíolo, hortênsia, jasmim-manga, magnólia amarela, rosa, quaresmeira. 

fonte: http://www.construcaoereforma.com.br/artigos/decoracao.php?id=35